sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

SEJA A DIFERENÇA NO DIA MAIS INCRÍVEL

Esses dias me esqueci de parabenizar uma pessoa da qual eu gosto muito. Era seu aniversário, mas eu nem me dei conta. Parando para pensar nisso, soube que por mais que adore essa pessoa ela não está presente na minha vida, e foi por isso que esqueci do seu aniversário.
Ultimamente as pessoas só parabenizam alguém mandando uma mensagem via rede social, mas fala sério, uma ligação seria muito mais fofa não é verdade? Calma, não estou te julgando, eu também me incluo nessa de mandar mensagem, mas, sei que os bons e velhos modos foram esquecidos por nós. Aonde foi parar o amor que fazia a gente se deslocar da nossa casa até a casa do aniversariante? Aonde foi parar o desejo de mostrar que a pessoa é importante e comprar um bom presente? Aonde a nossa mente está, que deletou a opção “ligar” da nossa cabeça? Nós não escutamos mais a voz das pessoas, não conhecemos mais a letra delas, não sabemos mais seus gostos e nem fazemos questão de descobrir (no máximo a gente compra um cartão-presente, e pronto).
Me preocupo com isso. Penso que muitas das coisas que hoje chamamos de antigas na verdade são as mais incríveis que podemos ter. Por que não dar mais atenção às coisas simples da vida, como uma visita? A moda é sair para comer fora, mas eu sinceramente amo uma comidinha caseira, com amigos queridos em casa, rindo alto, vendo um filminho junto, comendo brigadeiro e bobeirinhas baratas. Isso sim importa para mim. Aquele presentinho feito à mão com todo carinho, aquela coisa difícil de achar, mas que você queria tanto, aquele tempo precioso que você nunca encontra por estar ocupado demais, aquele abraço apertado de quem você não via há muito tempo... São tantas coisas. E tão singelas e simples. E tão bonitas para se guardar na memória. E tão incríveis para serem resumidas em duas linhas de uma felicitação na sua página do Facebook.
É legal ver aquelas mensagens todas chegando, afinal aquelas pessoas pararam um tempinho da vida delas para pensar em você, mas ainda assim, eu sempre acabo me esquecendo da maioria das pessoas que mandaram, guardo comigo de verdade apenas as mensagens dos mais próximos, dos que se fazem presentes, dos que realmente me conhecem, dos que realmente demonstram se importar comigo mesmo a quilômetros de distância, mesmo que em meio à imensa correria da vida. Aqueles que todo ano me visitam, aqueles que realmente se importam. Na verdade, esses nem precisariam escrever nada porque já fazem muito mais. E então no fim do meu dia, faço um balanço do que aconteceu, e lá estão eles, na minha cabeça, na minha memória, gravadinhos.
Enfim, hoje quero te encorajar a sair da tua zona de conforto. Se você pode vá visitar seu amigo, se você pode ligue para ele, tenha trabalho para encontrar o presente que ele tanto quer, demonstre se importar, faça com que no fim do dia mais incrível para ele haja uma memória sua na cabeça dele. Que haja uma lembrança sua na vida dele. Marque as pessoas! Isso faz diferença. Faltam apenas três dias para o meu aniversário, e talvez seja só por isso que pensei nessas coisas, mas ainda assim, vale a pena repassar.

Se gostou dessa reflexão, comente, compartilhe e seja a diferença na vida de alguém.

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

MOÇA, VOCÊ É LINDA


Vejo meninas que não se enxergam como realmente são. Vejo meninas que não acreditam em si mesmas, não se sentem bem consigo mesmas. Meninas iludidas por um padrão que foi apresentado, um padrão que foi criado, mas na real, quem disse que essa é a verdade?
Quem disse que para sair de casa precisa estar maquiada? Quem disse que você deve usar 36? Quem disse que para que aquele crush goste de você precisa usar decote e saia curta? Quem disse que você precisa ser diferente do que é? Quem disse?
Lembre-se moça, a voz que realmente importa é a voz daquele que te criou e te entende melhor do que qualquer outro no universo. É preciso dar atenção ao que Ele diz e não ao que você vê no comercial televisivo, nas fotos da internet, na revistinha teen, na vida badalada de quem você acompanha no snapchat. Ele sim deve ser importante, a voz Dele deve ser seguida, apenas a Dele. Entendeu?
Chega de sofrer pelo que é passado. Chega de se culpar, chega de se condenar, chega de se aprisionar as regras desse mundo! Chega de dar ouvidos a tudo o que te dizem, chega de acreditar na farsa, de se enganar por trás das máscaras, de se envolver apenas para ser aceita, de querer algo ou alguém para que então se sinta feliz. O vazio que há em cada um de nós tem o tamanho exato de Deus. Apenas Ele pode preenchê-lo, ninguém mais, nada mais! Pare de inventar desculpas, pare de viver uma vida que não deve ser sua.
Pense bem, no que você prefere acreditar? As pessoas podem dizer que você deve usar isso e aquilo para estar apresentável, as situações querem fazer você pensar que sem um homem ao seu lado a vida é infeliz e insuficiente, os problemas te afundam mais e mais e arrancam tua fé. Deus diz que você é linda do jeito que é, cara limpa, com imperfeições; Deus te diz que mesmo sem um namorado ou marido você encontra felicidade e paz Nele e que Ele é bem maior que os seus maiores problemas. Te pergunto novamente, em quê você prefere acreditar?

Moça, deixe sua vida nas mãos de quem te entende. Faça sua vida valer a pena. Moça, você é linda! Escolha acreditar nisso. Escolha ser simplesmente quem você é. Se maquie, mas para ficar ainda mais linda, e não como obrigação. Se vista para se sentir bem, e não para se mostrar para algum homem por aí (afinal, se você quer encontrar um homem de verdade este te amará por quem você realmente é por dentro, e não pelo o que você deixa aparecer do lado de fora)! Seja quem Deus te criou para ser. Escolha a melhor parte, e por favor não se esqueça, VOCÊ É LINDA, LINDA, LINDA, LINDA!

Um grande beijo para você aí do outro lado! 
Se você se identifica com algo aqui no texto, deixa o seu comentário aqui, ok!? Obrigada pela visitinha.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Doce para não engordar! Chocolate + Café

Oi meus amores!
Hoje resolvi trazer uma receitinha que vi umas semanas atrás na TV que provavelmente vai te agradar. Se você é apaixonado por doce como eu mas está querendo perder aquela gordurinha a mais, ou anda evitando comer besteiras, essa receita é para você.
Amo programas de culinária e quando vi esse que tratava de comida saudável, bem feita e gostosa fiquei super empolgada. Comer é bom demais, não é? E se for um doce bom pra caramba que te faça bem? Melhor ainda! O mais legal nesse doce é que ele une nossos queridinhos: chocolate + café.

Ah, o nome do programa é "Comer bem, que mal tem?" Procurem! As receitas que mostram são sempre bem fáceis de fazer então mesmo que não seja um chef, vai com certeza conseguir fazer.

Não vou explicar a receita aqui porque sei que não saberei explicar da melhor forma, mas já deixo aqui os ingredientes desse doce que não vai te engordar e ainda assim vai matar a sua vontade por coisa gostosa.

A receita é de um Tiramissú, doce italiano que não inclui biscoito, farinha, açúcar refinado nem leite condensado. Eu ainda não tive a oportunidade de testar mas quis logo compartilhar com vocês.

Ingredientes - Base crocante:
* 3 xícaras de nozes
* pitada de sal
* 1 xícara de tâmaras
* 1/4 de xícara de café forte

Mousse de chocolate:
* 2 xícaras de tâmaras
* 2 xícaras de leite de coco fresco
* 1/2 xícara de café forte
* 1 xícara de cacau em pó
* pitada de sal
* 1/2 colher de chá de essência de baunilha orgânica
*  1/4 de xícara de óleo de coco

Creme de baunilha:
* 1 xícara de castanha de caju crua
* 1/4 de xícara de óleo de coco
* 5 colheres de sopa de mel puro

Cobertura:
* nibs de cacau
* cacau em pó
* grãos de café



Assistam o vídeo e tentem fazer! Depois não esqueçam de vir aqui e me contar o resultado! Tô muito a fim de provar! E se você já experimentou esse Tiramissú me conta por aqui também, tá!?

Se você quiser mais dicas como essa, mais receitas bacanas assim, entra lá no site do programa: Comer bem, que mal tem? - Tiramissú

Bjuuu



sábado, 28 de novembro de 2015

SEDENTARISMO: COMO FUGIR!

A pesquisa realizada pelo Ministério do Esporte, apresentada em 23 de junho deste ano mostra que o sedentarismo atinge 45,9% dos brasileiros. Os números revelam que 67 milhões de pessoas não fazem atividade física ou praticam esporte. O problema é mais comum entre as mulheres, grupo no qual o índice chega a 50,4%. Entre os homens, o percentual cai para 41,2%.



Como se pode ver nessa imagem acima, o sedentarismo que é a falta ou diminuição de atividade física regular atinge bastante os adolescentes e jovens. Eles, que por sua vez, justificam a falta dos exercícios devido a entrada no mercado de trabalho, falta de tempo, etc. E eu tive pensando bastante acerca disso nessa semana. 
Saí do sedentarismo há poucos meses. Após terminar a faculdade e me perceber em casa, sem trabalho ou estudos, com muita dor nas costas (por causa de um desvio na coluna), vi que eu não tinha opções. Eu precisava fazer alguma coisa a respeito. E durante esse processo de reeducar-me para ser praticante frequente de atividades tive vários deslizes. Ser disciplinada nunca foi meu forte, porém vi a necessidade de criar isso em mim de qualquer jeito.
Então fui atrás do prejuízo, comecei a buscar aulas de ginástica, alongamento, zumba, pilates, dança e tudo que pudesse me fazer movimentar o corpo. Tudo pela internet, para fazer em casa. Dinheiro para pagar academia não tava rolando, mas não deixei me abater. Fui firme comigo mesma. Sair do sedentarismo exige de nós muita força de vontade, aquela vontade que te tira do sofá mesmo quando seu corpo está cansado, quando não está a fim de fazer nada, quando está um pouco dolorido... e por aí vai. Desculpas nunca faltam, mas querer é poder muitas vezes. Criei um calendário de atividades físicas para mim e colei no guarda-roupa onde posso ver todos os dias. Lá coloco os exercícios que fiz, dia da semana, e por quanto tempo fiz cada coisa. Isso me ajudou absurdamente porque eu preciso de incentivo para me disciplinar, então toda vez que eu via aquele "X" vermelho me alertando que não fiz nada no dia anterior me dava vontade de fazer algo urgente para que aquilo não se repetisse por mais uma vez.
Enfim, meu objetivo com esse post até aqui é te dizer que é sim possível sair do sedentarismo sem grana, sem um professor particular e coisas do tipo. Eu não comecei nisso porque queria emagrecer, comecei porque vi a necessidade do meu corpo, e as dores nas costas gritavam por socorro! A recomendação médica sempre foi que eu fizesse exercícios regularmente, mas eu fazia? NÃO! E só tomei vergonha na cara quando já não aguentei mais. Hoje, graças a ajuda de Deus me dando força, não sinto mais as dores que eram regulares e vinham completamente sem motivo.
Agora, o que isso me leva pensar também é um outro tipo de sedentarismo. O sedentarismo espiritual. Tudo bem, eu inventei esse termo agora pouco, mas pense comigo se essa não é uma realidade de muitos. Quando você começa a trabalhar, estudar, fazer muitas coisas ao mesmo tempo assim como os adolescentes e jovens acabam fazendo você ainda encontra tempo para Deus? Será que tem rolado algumas desculpas do tipo "estou muito cheio de serviço, quando chego em casa só tomo um banho e caio na cama", " eu tenho tido tantas provas, tantas tarefas, estou muito cansado para ir à igreja durante a semana", "minha vida é tão corrida, como encaixar um tempo para ler a bíblia em tudo isso?". Talvez nunca tenha pensado assim, mas ainda age assim. Não pense que estou escrevendo tudo isso porque sou santa e faço tudo tão correto que posso vir aqui dizer o quanto você erra e eu não. Pelo contrário, também caio nessa várias vezes. Mas acontece que devemos nos preocupar com nossa vida espiritual tanto quanto nos preocupamos com o corpo físico, ou bem mais. Ser sedentário física ou espiritualmente nunca vai te fazer bem, e as duas formas te levarão para um único destino: morte.
Pois é, o assunto é sério e por isso me preocupo. Aquele que não se preocupa com o que faz com o corpo, com o que come, morre cedo. Aquele que não se importa com quantas horas passa na frente do computador ou da bíblia e sai enchendo a mente com todas as porcarias existentes provoca sua morte espiritual. Já parou para comparar quantas horas se dedica para estudar a bíblia e quantas horas fica em frente da TV vendo aquela série daora, ou no celular vendo as várias timelines das pessoas mais badaladas e adoradas? Tô falando sério, a gente tem que repensar nossa vida. Não podemos mais deixar as coisas ao redor tirar de nós o nosso foco. Se amamos a Deus nossa vida tem que demonstrar isso, e não é falando ou indo a igreja aos domingos, é vivendo em todo lugar uma vida sem preguiça, sem canseira para as coisas que vem Dele.
Não deixe o sedentarismo te alcançar. E se por acaso, já alcançou, se esforce para reverter esse quadro. Não espere estar à beira da morte, sofrendo horrores para começar seus exercícios, para buscar a Deus de verdade. Não deixe para orar e ler a bíblia só quando a crise te atingir, faça isso enquanto estiver bem, e quando a crise chegar você estará forte para suportá-la. Realmente se esforce para fugir disso, fuja da aparência do mal, faça o que for preciso, se empenhe e não deixe nada estragar o templo do Espírito Santo, que é você.

Um beijo! E que você tenha forças para tudo isso! Oro para que isso aconteça! 



quinta-feira, 26 de novembro de 2015

5 livros que li em 2015 e que você precisa ler!



Deus está no controle - Max Lucado: Sou suspeita para falar de qualquer livro do Max, mas não tinha como deixar esse livro de fora. Esse ano li muitos livros mesmo e "Deus está no controle" foi um daqueles que marcaram, sabe? O texto é super sensível, e ele consegue SEM dúvida nenhuma fazer com que a gente perceba Deus presente sempre, em todo tempo na nossa vida. Abrangendo várias áreas como fé, luto, evangelismo, conforto e encorajamento ele deixa claro como Deus se importa conosco nas fases mais turbulentas, escuras e difíceis da vida da gente. Deus não está distante, na verdade Ele está no controle. Por favor leia esse livro! Você não vai se arrepender!

Organize-se num minuto -500 dicas para pôr ordem em sua vida - Donna Smallin: Esse aqui foi um daqueles livros que sinceramente eu nem sabia que tinha em casa. Achei por acaso nas coisas dos meus pais e resolvi ler. Ele me ajudou muito na questão de organizar meu dia, tarefas e etc. Estava numa fase em que precisava ser disciplinada e não conseguia de jeito nenhum, e esse livro me salvou. Você precisa ler se quer ter uma vida organizadinha e não sabe por onde começar. Explica de tudo, desde como organizar fotos, roupas, a casa cheia de filhos pequenos até saber o que fazer na janta. Além disso, o mais legal é que são dicas simples de colocar em prática e curtinhas. Você consegue ler no mínimo umas cinco por dia mesmo que seja aquela pessoa toda atarefada e sem tempo para grandes leituras.

Eu disse adeus ao namoro - Joshua Harris: Eu já falei bastante sobre esse livro nesse post aqui. Mas como sou boazinha, deixo um breve resuminho para você. Joshua conta algumas experiências dele, sua forma de pensar, algumas historinhas que ilustram bem o seu ponto de vista e nos ajuda a pensar como lidamos com nosso relacionamento amoroso. Você tá solteiro e quer saber mais sobre namoro? Você precisa ler! Você já namora e acha bom ler sobre o assunto, sobre como ter um bom relacionamento com o sexo oposto? Você precisa ler esse livro! Você nem quer namorar, mas concorda com a ideia de corte? Você precisa ler! O livro simplesmente explica detalhadamente tudo o que quer saber a respeito do assunto. Ah, e não se assuste com o título, logo vai perceber que faz todo o sentido.

Vivendo além de seus sentimentos - controlando as emoções para que elas não controlem você - Joyce Meyer: A Joyce Meyer é uma das minhas queridinhas. Se como eu você é amante da leitura e cristão, já deve ter lido algo dela e percebido quanta sabedoria há em cada palavra dela. Nesse livro ela explica algo muito interessante, que eu particularmente priorizo na vida. Como não permitir que seus sentimentos te controlem e definam seu humor. Sabe quando você acorda de saco cheio, tá de TPM, se chateou com o que te disseram, se irritou com seu chefe, se entristeceu com uma notícia. Pois é, seu dia não precisa acabar aí. Há muito o que se fazer a respeito, e você descobre como alcançar esse tão sonhado e necessário DOMÍNIO PRÓPRIO lendo esse livro.

Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes: - Stephen R. Covey: "O livro foge do convencional em obras sobre  administração e propõe a síntese definitiva entre eficácia profissional e satisfação pessoal. Ele nos revela como conseguir a paz de espírito a nível interno e conquistar a confiança das pessoas a nível externo buscando origens do comportamento humano no caráter das pessoas, em seus princípios, em vez de apenas seguir posturas." Tá aí, um pouquinho da introdução do livro, e acho que eu não o definiria melhor. Para ser sincera ainda estou lendo esse (sorry!), mas não consegui deixá-lo de fora da lista (e vou terminá-lo em breve! então tá valendo, rsrs). Uma pessoa da minha igreja comentou sobre ele em um sermão, e fiquei tão interessada que não resisti, logo fui atrás. Ele é um tanto grande se você não estiver acostumado a ler, mas só te digo uma coisa: VALE MUITÍSSIMO A PENA! Quer encontrar uma pessoa sábia? Stephen R. Covey. Eu nem sabia da existência desse homem, mas já o amo absurdamente! Sem brincadeira, o cara sabe do que tá falando, e isso porque ele não só entendeu uma das coisas mais importantes como a viveu e comprovou o fato. Você precisa ler!

** Desculpa pelo post grande. Não era minha intenção, mas se tratando de livros me achei na obrigação de te ajudar a entender um pouquinho de cada um. 2015 foi e tem sido o ano que mais me dediquei a ler a maior quantidade de livros que conseguisse,e como já sabia, foi incrível! O quanto se aprende com um bom livro é indescritível. Tente você também e vem aqui me contar sua experiência. Me conta nos comentários se já leu algum desses também! Vou adorar conversar contigo.
Bjuu

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Sobremesa fácil de fazer - Sorvetão com toque de chocolate





Essa receitinha hoje é uma sobremesa deliciosa e muito fácil de fazer. Se você gosta de sorvete, aproveita para fazer o sorvetão com toque de chocolate nesse verão. É perfeita!

Ingredientes:
-  2 l Sorvete de creme
- 1 lata de Creme de leite
- 2 Barras de chocolate ao leite

Modo de preparo:

Deixe o sorvete derreter um pouco e o despeje em uma travessa de sua preferência. Derreta as barras de chocolate e misture o creme de leite. Após misturar bem é só colocar em cima do sorvete que já está na travessa. Leve à geladeira por duas horas. E seu sorvetão estará pronto!

Uma outra forma de fazer essa receita você encontra nesse site aqui, onde você usa uma calda mais leve em vez de chocolate derretido. Eu prefiro a receita com o chocolate mesmo por ser um pouco mais doce, mas se você é daqueles que não gosta de uma sobremesa doce demais, tá aí uma boa opção.

Espero que gostem!


sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Um alguém chamado saudade

Não sei como é com você, mas comigo é sempre assim. Sinto saudade daqueles que se foram. Mas não falo daqueles que se foram para sempre, aqueles que um dia vimos cobertos de flores, imóveis e pálidos. Sinto muitíssima falta desses também, e como! Mas hoje, não quero pensar nisso, não quero pensar nesse tipo de dor. Porque saudade dói, neh?
Então, voltando ao assunto, sinto saudade daqueles que se foram para longe. Amigos que provavelmente nunca mais serão meus amigos. Aqueles que se mudaram de cidade, que estão em outro estado. Familiares que moram tão longe que eu não sei nem ao menos mensurar a quantos quilômetros de distância estão. Aqueles que um dia foram íntimos meus, e hoje mal conheço. Aqueles que dividiam segredos comigo, que ouviam minhas histórias, que aguentavam toda minha estranheza e hoje... Hoje nem sei onde estão. Não sei o que fazem, onde trabalham, se tiveram filhos ou se casaram.
Você também é assim? Sinto saudade dos tempos de escola. (Talvez porque eu só tenho 20 anos e nem faz tanto tempo assim que esse tempo deixou de ser meu). Sinto saudades das brincadeiras, dos olhares que só a gente entendia, dos bilhetes trocados, bolinhas de papéis jogadas no meio da aula contendo nossas histórias de adolescente. Sinto saudade dos que cresceram comigo, que fizeram parte de uma parte incrível e inesquecível da vida.
Esse alguém chamado saudade sempre me acompanha. Mas, aprendi que na vida tudo passa. Na verdade, só Deus permanece único, imutável. E nós, que também passamos devemos saber conviver com esse alguém sem permitir que ele nos afaste da realidade, afinal a saudade nada mais é do que o nosso passado. Já a realidade está aqui, nesse nosso presente, e é nela que precisamos viver! Concorda? Já ouviu aquela frase " quem vive de passado é museu"? É, meu amigo, ela é a verdade nua e crua. Portanto sinta saudade, deixe ela fazer parte da tua vida, ela é normal para qualquer ser humano. Mas é só isso. Esse alguém que chamamos de saudade não pode nos consumir, apenas nos arrebatar por um breve momento, depois... É vida que segue!


** Quero aproveitar esse texto para te despertar para o que tem acontecido no nosso país. Se você tem fé ore, mas além disso, tendo como ajudar, ajude! Há vários lugares se mobilizando nessa missão de mandar água para os lugares que foram atingidos pela lama das barragens que se romperam em Minas Gerais. Se importe! Faça sua parte! #AmeMais #FaçaMais **

Se você também sente saudade de alguém, se você ajudou ou se você quer ajudar o pessoal que precisa de água, deixa um comentário por aqui! Ah, e compartilhe também, não vai levar nem um minuto! Bjuuu

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

DICA EXTRA! - COMO NÃO ERRAR AO FAZER UMA CARTA

Bom dia meu povo! Como prometido, voltei com dica extra!
A dica de hoje é simples, e quero já deixar claro aqui que vai servir para aqueles que como eu, querem entregar cartas para quem está por perto mesmo. Portanto, não são dicas a respeito de como fazer com que a carta chegue ao endereço certo e coisas assim, mas como confeccionar a carta da melhor maneira para quem vai recebê-la. Certo?
Então, bora lá:

1 - Se importe com o envelope: Dizem por aí que você compra um livro pela capa, não é? Pois bem, essa regrinha básica ajuda muito numa carta. Se esforçando um pouquinho tenho certeza de que vai fazer com que o envelope já deixe a pessoa curiosa e desejosa e ler o conteúdo. Eu geralmente gosto de colar uns recortes, fazer pequenos desenhos ou decorar de alguma forma que combine com a pessoa que vai receber. Por experiência própria te digo que isso faz diferença. Quanto mais capricho mais demonstração de de carinho e consideração pela pessoa.
2 - Capriche na letra: Falando em capricho, o envelope não é nada sem a carta dentro, neh? Portanto, se empenhe para que sua letra fique bem legível e bonita aos olhos. Para mim, sempre vai ser mais bacana uma carta escrita à mão, se você digitar o texto pode ser legal, mas nem tanto. Quanto mais pessoalidade e intimidade puder transpassar melhor será.
3 - Não esqueça da data: A data é essencial, não esqueça dela. Muita gente não se apega a esse detalhe, mas esse é um detalhe que realmente faz diferença. Aqueles que guardam cartas, geralmente irão lê-las de tempo em tempo. Quanto mais o tempo passar, mais lembranças, significado pode ter. Imagine-se lendo uma carta de anos atrás e não poder ter a certeza de quando a recebeu? A data é importante sim! Não a deixe de lado, ok!?

Seguindo esses passos simples, somando a uma dose generosa de amor, sua carta vai te render muitos sorrisos e muito amor em troca! Viu como não tem segredo? É simples, fácil e significativo. Você pode adicionar sua carta a um presente no dia do aniversário de alguém, pode entregar sem dia ou momento especial nenhum, pode ser livre e deixar imaginação criar asas!
Demonstre amor!

Beijinho, Camis

*** Se você já fez cartas, me diga aqui embaixo suas experiências e sensações depois da entrega.

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Por que escrever cartas? (Minha coleção de 113)

Você se lembra das cartas? Sou uma pessoa completamente apaixonada por cartas, mas infelizmente elas andam muito esquecidas em nosso mundo tecnológico e cheio de inovações. Então, hoje estou aqui para te fazer pensar um pouquinho no valor que elas têm e no motivo de eu continuar as considerando essenciais.
Penso que uma carta demonstra mais carinho do que uma mensagem de texto, um e-mail, um áudio, etc. Mostra muito mais zelo para a pessoa que recebe. Você já recebeu alguma? Já enviou alguma?
Pense comigo, para fazer uma carta bacana você precisa dedicar um pouco do seu tempo, e se for como eu, provavelmente usará seu tempo em dobro fazendo rascunho e depois passando a limpo.
Quando você recebe uma carta você percebe o capricho, você vê a pessoa através da letras, das cores da caneta, de um desenho na bordinha da folha, em cada um desses detalhes.
Eu realmente amo isso tudo. Acho importante os mínimos detalhes... às vezes, quando estou inspirada até perfumo a carta que vou entregar (coisa que me faz perceber agora, que meu nível de amor por cartas consegue se superar ao nível de amor dos meus perfumes! kkkkkk).
Mas falando sério, se você quer impressionar, conquistar ou agradar alguém, faça uma carta. E coloque seu coração em cada palavra, seja sincero. Nada de frases feitas ou copiadas da internet, nada de trecho de livro ou coisa assim, o que mais vai tocar alguém é o que VOCÊ escrever, o que sair da TUA cabecinha! Uma carta nunca é brega ou ultrapassada demais, na verdade é sempre certeira!
Tem vergonha de falar pessoalmente? Escreva! Tem muita coisa para falar? Escreva! Quer que a pessoa pense bastante antes de responder ou esboçar qualquer reação? Escreva! Quer que suas palavras sejam sempre lembradas? Escreva! Faça isso e depois me conte o resultado (combinado?)!
Lembre-se  que ninguém rejeita ou despreza demonstração de afeto, de respeito, de consideração, de carinho, de amor. Cartas podem ser feitas para qualquer pessoa, desde professor a namorado, de mãe a melhor amigo. Elas sempre serão bem-vindas!
Seja você mesmo, faça algo que combine com a pessoa que a receberá e tenha fé,rsrsrsrs. Você provavelmente vai receber em troca um grande e lindo sorriso, um abraço bem apertado, e... Quem pode dizer o que mais?
Se arrisque, saia da tua zona de conforto, faça mais e surpreenda quem você ama!

Aqui vai umas fotos da minha coleção! Rascunhos e recebidas. Meu xodó! Coleção de 113 cartas...





E para você que é amante de cartas como eu, ou que tá a fim de entrar nessa, amanhã tem post extra. dicas práticas para você não errar na hora de fazer sua carta! Bjuuu.
Não deixa de comentar hein!

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Construindo o que seremos...

Agora há pouco tava aqui pensando... Como nós podemos interferir no que seremos amanhã né?
Tipo assim, quando queremos ser magros, podemos ter hábitos alimentares diferentes. Quando queremos falar mais de uma língua podemos nos matricular num curso, estudar bastante ou até mesmo ser autodidatas. Não importa o que seja, na maioria das vezes, se não, em todas elas, nós podemos fazer com que realmente aconteça.
Dias atrás percebi que precisava estudar melhor a bíblia, precisava entendê-la com mais detalhe e profundidade. E eu estava sem acesso a internet, o que poderia ser um certo impedimento para que eu começasse a fazer isso... Mas, eu resolvi fazer mais. Então reuni algumas versões que tinha por aqui e comecei a ler buscando cada detalhe que por tantas vezes deixei para trás. Cada coisinha que eu poderia aprender, da cultura do povo, da forma de pensar e viver. São tantas coisas!
E isso com certeza pode ser aplicado a qualquer área da nossa vida. Se não estamos bem com o que vemos ao nosso redor, somos nós quem devemos ser os primeiros a fazer diferente. Se não gostamos do que vemos nos outros, no mundo, na vida, o que é que temos feito para que isso mude e melhore? Eu sei que nem tudo pode ser mudado por nós, muitas coisas não dependem de nós, mas muuuuuuuuuitas dependem exclusivamente da nossa força de vontade.
Força de vontade de dizer não ao nosso eu que só quer assistir uma novela ou fazer algo mais divertido que malhar ou ler um grande livro. Força de vontade de se colocar como responsável do que será o nosso futuro, afinal ele (o futuro) depende das presentes escolhas que fazemos. Dia a dia vamos construindo o que seremos.
Pense nisso, ok!? E me diga, como você tem construído seu eu no futuro?

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Mais que um ponto de entrega

Eu não mereço tudo o que Deus é, mas Ele quis ser tudo isso em mim. Eu não mereço tudo o que Deus fez e faz, mas tudo foi por mim e para mim. Deus me enxerga de um jeito todo louco e todo lindo demais. Me sonda e ainda assim  continua comigo. Tipo assim, Ele me SONDA e continua comigo! (Você tem noção do que é um deus grande te investigando? E ainda assim, te amando?) Independente do que haja em mim, o amor permanece o mesmo.
Ele não é um ponto de entrega aonde você só vai quando precisa buscar um pedido, uma encomenda. Ele não é um deus qualquer o qual só recorremos quando precisamos de algo. Esse Deus é pai, conselheiro, amigo, irmão e o que quer que precisemos que Ele seja. Tudo o que a gente realmente precisa está Nele. Se por acaso necessitamos de um pai, Ele supre nossa necessidade de pai, se precisamos de um abraço e não encontramos isso em ninguém por perto Ele supre essa necessidade também (quantas vezes senti o abraço Dele no meu quarto, sozinha...). Ele é mais do que geralmente nós percebemos. E quer ser muito mais do que geralmente achamos que Ele pode ser. Precisamos olhar para Ele com um olhar mais amplo. Ele está pronto para nos ouvir a todo instante mesmo já sabendo tudo o que temos a dizer, e isso porque Nele existe um amor que não entendemos e o que para nós é desnecessário (gastar tempo ouvindo o que já sabemos), para Ele é a coisa mais preciosa poder ter um tempo conosco, mesmo que seja para ouvir o que Ele já sabe. Ele não gasta tempo, mas investe tempo em nós. Ele planeja investir toda a eternidade ao nosso lado! Esse é um dos prazeres Dele em nós, estar conosco, nos compreender.
Ele gosta que nos sintamos amados, importantes. Apesar de sua grandeza cobrir tudo o que qualquer ser humano um dia consiga ser. Que Deus lindo eu tenho! Que Deus incrível você pode ter!
Absurdamente maravilhoso demais! Tentar descrevê-lo é uma tarefa impossível, Ele é tanto em um só. Ele é tudo de forma tão única! Simplesmente, não tem como não amá-lo.
A única coisa que quero frisar aqui, é que Ele é muito mais do que conseguimos imaginar e sim, é muito mais do que um Deus que pode fazer o que queremos. Mais do que fazer, Ele quer ser. Mais do que poder, Ele é! Não se esqueça disso! E então busque mais do que há Nele antes de se achegar apenas pra fazer sua lista de pedidos rotineira.

Bjuuuu

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Quem pediu tua opinião?

Nos últimos dias tenho pensado muito no quanto aquilo que dizemos tem efeito, e no quanto aquilo que dizemos diz a nosso respeito.
Há umas semanas atrás fiz um desafio em que eu não deveria dar minha opinião por uma semana. Eita coisa difícil! Quem me conhece sabe que não sou a pessoa mais falante do mundo, mas simplesmente ter que proibir aquela opinião de sair da tua boca e pensar todas as vezes que algo vinha a mente foi absurdamente difícil.
Apesar dessa dificuldade toda naquela semana, as semanas que se passaram me ensinaram mais ainda. Agora posso dar opiniões a vontade, porém tenho me preservado a minha insignificância e falado menos ainda. Tenho percebido como as pessoas vivem “exaltando” e relembrando os erros alheios. Oh coisa feia gente!
Estava assistindo um vídeo da Fabi uma tarde dessas (vou deixar o link do canal e uns vídeos logo abaixo) e ela falava justamente disse. Como nossa mente guarda tão bem a falha do fulano de cinco anos atrás e apaga qualquer acerto desse mesmo alguém atualmente! É insano! E mais que isso, é falta de amor meu povo!
Por que quando certos assuntos vêm à tona somos os primeiros a levantar as questões polêmicas? Por que queremos SÓ relembrar aquele com quem estamos conversando o quão errado foi o que a tal pessoa fez em algum momento da vida dela? Por que, por que não deixamos de lado as falhas e falamos o que esse ser fez de bom? Por que não lançamos no mar do esquecimento como o próprio Deus provavelmente já fez?
Quando vivemos naturalmente aquilo que é natural do ser humano floresce, e você nem precisa viver para entender, eu já te digo de antemão que coisa boa não é. Somos naturalmente pecadores, egoístas, fofoqueiros, ciumentos, e etc., e etc.Porém quando vivemos segundo o Espírito, algo sobrenatural acontece, e aquilo que nossos olhos carnais veem como o escândalo do ano, nossos olhos espirituais veem como O motivo para entrarmos no nosso quarto e orar. Aquilo que em algum momento foi horrível hoje nem é mais lembrado. É assim que devemos ser, é assim que Deus que ele vê e assim que precisamos ver todas as coisas também.
Aliás, já diz nossa maravilhosa guia chamada bíblia sagrada em Efésios 4.29: “Tenham cuidado com a maneira de falar. Nunca saia da boca de vocês nenhuma besteira ou baixaria. Falem apenas o que é útil e que ajude os outros. Cada palavra de vocês deve ser um presente”.
E aí, tá todo mundo gostando dos seus presentes ou você precisa começar a escolhê-los um pouco melhor?


                                                    - Teu passado não te condena

                                         - Qual a maneira certa de orar com alguém
E aqui vai o link onde você encontra todos os vídeos da Fabiola Melo! Passa por lá...
Fabiola Melo no YouTube

Bjuuu! Não esquece de comentar aqui o que achou, hein!

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

RESENHA - Eu disse adeus ao namoro por Joshua Harris


Hey! Tudo bem contigo?
O título do livro que vou comentar hoje pode te parecer um tanto assustador, radical e desanimador, mas.... Calma! Não é o fim do mundo! Na verdade, esse é um livro incrível, amei ler, e li super rápido. A leitura é muito gostosa, o autor fala numa linguagem bem tranquila, ah e o mais bacana, você encontra esse livro para baixar em PDF. Se é daquelas pessoas que gosta de ler mas não tá a fim de carregar livro pra onde vai, seu problema está resolvido! kkkkkk Baixa no celular e curte o aprendizado!
E que aprendizado, diga-se de passagem. Aprendi muito, muito mesmo com esse livro. Sempre li sobre relacionamentos, mas creio que esse seja o livro mais detalhado que já li sobre o assunto de namoro.
Bom, vamos ao que interessa. No livro Joshua conta algumas experiências, histórias fictícias porém super "reais" e atuais, dá dicas, passos, e explica muito bem como viver a proposta do livro. Penso que mesmo que você não queira literalmente dizer adeus ao namoro, esse livro está cheio de conteúdo para te ajudar no teu relacionamento, seja você cristão ou não. Ele abre a mente da gente em várias questões como, fazer a pureza dos outros uma prioridade, saber que mesmo quando solteiro há muitas coisas a se fazer e muito o que aprender para estar pronto para O relacionamento. Também mostra alguns hábitos de namoros defeituosos, ensina o verdadeiro e profundo significado da intimidade física, fala de egoísmo, de caráter, de avaliar como "a pessoa em que estamos interessados" se relaciona com Deus, com as pessoas, de definirmos bem alto nossos padrões. Trata, em minha humilde opinião, tudo o que um solteiro precisa saber, tudo o que quem namora urgentemente deve aprender e tudo o que o casado deveria sem sombra de dúvidas entender.
O principal no livro ( para mim) é a questão da amizade, o autor diz que " ao invés de esperarmos até que a amizade floresça totalmente, nos atiramos no romance", e você verá durante sua leitura o quanto ele está coberto de razão e o quando devemos nos policiar nesse sentido. Podemos e devemos cultivar melhor nossas amizades, valorizá-las, e não pular a fase da amizade para ir direto para a fase romântica da relação. E no final de tudo ter uma vida de que possa se orgulhar, um relacionamento que valha a pena, saber a hora certa de se relacionar e evitar zilhões de problemas e desilusões desnecessários.
Resumindo, ler esse livro será um investimento para sua mente e inteligência emocional. Não dá pra não aprender! Portanto, "Eu disse adeus ao namoro" é mais que recomendado! Leia!

"Quando avaliamos a qualidade do nosso amor por alguém apenas pela nossa própria realização emocional, nós praticamos o egoísmo" - Joshua Harris


quinta-feira, 1 de outubro de 2015

UMA VIDA QUE VALE A PENA

Fazer a vida valer a pena. Essa frase nunca mais saiu da minha cabeça após a leitura de um livro incrível um tempo atrás. Realmente penso que todos nesse mundo devem fazer suas vidas valerem a pena. E talvez, seu pensamento a respeito disso seja que fazer tudo o que der vontade é um jeito de fazer isso. Ou não colocar limites em nada, viver um dia de cada vez, não pensar demais nas conseqüências, não ser certinho demais, curtir tudo o que for possível, não abrir mão de grandes sonhos, de grandes amores e paixões..... e, a lista pode ser a imensa.
Porém, preciso dizer que meu pensamento contraria todas essas opções. Na verdade, meu pensamento nem é originalmente meu, e sim de alguém muito maior e mais sábio que essa pessoinha que escreve agora. Esse alguém me mostrou um dia que há muito mais valor em viver a vida com o propósito de que minhas maiores conquistas, meus grandes feitos sejam eternos. Que minhas atitudes tenham um valor eterno. E aí você pode me perguntar, “como isso é possível?”. Bom, felizmente aquele que me mostrou isso tinha a resposta. Aliás, mais que uma resposta Ele era e é o verdadeiro motivo para isso tudo.
Pense comigo. Um presente provavelmente um dia se acaba, comidas entram por um lugar e acabam saindo por outro, coisas matérias, físicas, quaisquer que sejam, passam. Mas, palavras ficam na mente das pessoas, a forma como as tratamos ficam guardadas em suas mentes, o jeito como reagimos a uma situação extrema pode dizer muito a nosso respeito. Enfim, atitudes sempre são lembradas. Agora o que deixa tudo isso com muito mais brilho é o motivo. Se por exemplo, você me dissesse algo bacana que me fizesse acreditar em Deus, e por causa disso eu começasse a segui-lo, e então ao fim da vida eu fosse para o céu. Isso significaria muito mais que uma simples atitude bacana, isso seria uma atitude com um grande valor eterno. Se eu fosse pro céu, ficaria lá pela eternidade, certo? Pois bem, é mais ou menos essa a idéia.
Como já deve imaginar aquele alguém que me mostrou essas coisas foi Deus, e por Ele vejo razões de sobra para viver minha vida com o desejo de fazer algo mais que existir, fazer coisas que tocarão vidas, agir no dia a dia de forma que pessoas sejam impactadas ou surpreendidas, dizer algo que provavelmente não se diria num momento difícil, ser alguém fora da normalidade, do sistema comum e óbvio. Ser diferente. Isso me inspira, e me dá uma leve noção do que seria fazer minha vida valer a pena para um Deus tão imenso como o meu. Eu realmente quero chegar no céu um dia, mas fazer minha vida valer a pena inclui levar várias pessoas comigo e poder dizer a Deus quando chegar lá que eu fui útil pra essas pessoas o conhecessem e o quisessem como eu queria.
Pense nisso. Vai valer a pena.

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Dica extra =D

E aí meu povo!

A dica extra de hoje nos lembra a infância e nos ajuda a economizar água nessa crise hídrica que temos vivido ultimamente. Tem alguma ideia?
Pois bem, as dicas são simples e todo mundo pode fazer em casa.

Na hora de escovar os dentes, lembre da época da pré-escola e use um copo com água!
Isso mesmo! Nada de deixar a torneira aberta jorrando água!



Essa simples mudança de hábito economiza uma quantidade considerável da nossa preciosa água, considerando ainda que não escovamos os dentes apenas uma vez ao dia e geralmente existem mais pessoas morando com você na tua casa. Faça um teste!

A outra dica, é tomar seu banho em cima de uma bacia daquelas que todo mundo tem em casa...

A ideia é tomar o banho de chuveiro normalmente, porém em pé dentro da bacia. Essa água pode muito bem ser reutilizada depois em vez de descargas convencionais.

Gostaram? Já faziam isso em casa? Eu sempre faço...
E aí, me deixem saber o que acharam aqui nos comentários, ok!?
Bjuuuu


Porta-caneta com garrafa de vidro

Boa noite meus amores!
Hoje voltei com uma dica super fofa, que já é usada por bastante gente...
Mas, nada melhor que mostrar pra vocês como ficou o meu.

Bom, o mais importante é ter uma garrafa de suco como esta aqui:

Depois você vai precisar de lã bem fininha, ou se preferir fitas de cetim mais grossas. Usei lãs de cor azul e rosa e fui intercalando as cores. Nas pontas passe um pouquinho de cola pano e vá enrolando em torno da garrafa.



Como viram, amarrei essa fitinha de cetim que tinha por aqui na parte de cima. Depois que dei o nó achei que as pontas ficaram muito abertas então coloquei um pouquinho de cola pano na parte de trás das pontas também. Gostei mais do resultado assim.


E para finalizar enchi o fundo da garrafa com algumas tiras de lã mais grossas. Isso devido ao comprimento da garrafa, sem as lãs embaixo as canetas ficariam muito para baixo e não teria o resultado que esperava.


E então ficou assim! Eu amei!Uma outra ideia também é usar pincéis de maquiagem no lugar de canetas. Se você estava procurando um bom lugar para os seus acabou de achar a solução! =D

 

Ah, me desculpem pela qualidade da imagem, os dias estão sendo bem corridos pra mim e não tive tempo de arrumar a qualidade. Sorry!
Até mais, bjuuuuu




domingo, 26 de julho de 2015

Transformando a caixa de ovos!

Oi oi oi minha gente!
Tô aqui em pleno domingo pra mostrar pra vocês o que fiz com uma caixinha de ovos que ia pro lixo aqui em casa. Precisava de um lugar pra guardar minhas lãs, fitas etc, daí surgiu a ideia.
Olha aí como é simples:

Primeiro, recortei a caixa e deixei do tamanho que queria. Como podem ver na foto eu diminuí a caixa que eu tinha pois achei muito grande, e depois colei com fita adesiva a lateral novamente.


Depois disso na parte de dentro, amassei um pouco onde ficam uns furinhos entre os espaços. Iria ficar muito pontudo caso não fizesse.

Feito isso, fiz um teste para saber como ficaria. Encapei com jornal toda a caixa e na parte de cima também preenchi o espaço para ter um resultado final mais parecido com uma caixinha mesmo.



Pois bem, agora que já se tem uma base é só encapar novamente, agora com um tecido ou papel de sua preferência. Eu tinha aqui um retalho de lã, e usei ele mesmo. Colei com cola pano. Na parte inferior usei outro tecidinho mais fino. Ah, não se esqueça de deixar os furinhos na frente para fechar no final.




Para finalizar, usei uma fitinha de cetim pra deixar um toque mais fofo (coisa que amo!!) =D
Faça um lacinho, e..... prontinho!




E é isso meus amores! Deixem seus comentários e sugestões aqui! Bjuuu




sexta-feira, 17 de julho de 2015

Espelho sem graça? Nada disso!!

Boa tarde meus amores!
Eu volteeeeei =D

Hoje vamos dar uma carinha bacana pra um espelho daqueles mais antiguinhos, como esse aqui:


Todo mundo já viu ou teve um desse neh!? kkkkk Pois bem, eu tinha algumas fitas por aqui e um pedacinho de renda e já ficou novinho. Olha como é fácil. Vai precisar de espelho médio, tesoura, cola pano, renda e fita de cetim.



Recorte 4 tiras de fita do tamanho adequado à moldura do teu espelho, cole com a cola pano e depois é só fazer o mesmo com a renda. Como sempre digo por aqui, não tem segredo! Fiz em menos de meia hora e amei! Você também pode colocar a renda em todos os lados da moldura... Vai ficar show!




Gostaram? Espero que sim! Deixem-me saber o que estão achando nos comentários aqui embaixo ok!? Bju bju


terça-feira, 14 de julho de 2015

Nota!!

Oi oi oi meu povo!
Tô aqui pra me desculpar pela ausência de posts por aqui nas últimas semanas. Estava bem ocupada com alguns projetos e pra "ajudar" também fiquei sem internet.
I'm sorry!
Essa semana a gente volta com tudo ok!?
Bju bju

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Perdão. Sentimento? Não, decisão!

Hoje tô com vontade de escrever, então, nada melhor que escrever para vocês! haha
Bom, acho que nunca fui uma pessoa que guarda rancor por muito tempo, nunca vi isso como algo benéfico, de verdade. Tem quem pense que não tem como simplesmente perdoar, que é preciso sentir a vontade dentro de si para deixar isso acontecer, mas sinceramente? Não penso assim.
Creio que assim como amar não é um sentimento, perdoar também não. Deus nos ordenou fazer as duas coisas, então devemos fazê-las mesmo quando não sentimos vontade. Nem sempre tenho vontade de obedecer meus pais, mas sei que devo, então obedeço. Nem sempre tenho vontade de amar uma pessoa que me irrita demais ou que não combina muito comigo, mas Jesus nos orientou a amar quem quer que fosse, inimigo ou não. Então decido amar.
E então, porque perdoar deve ser diferente? Sou tão prática, que muitas vezes faço simplesmente aquilo que acredito me fazer bem, sem ficar pensando tanto se é o que mais gosto de fazer ou não. Talvez, por isso tenha facilidade de perdoar. Mas, estou aqui para falar com você que não é como eu. Pense bem... No que você pode ser beneficiado quando fica remoendo algo que fizeram contra você, quando não consegue se relacionar bem com as pessoas, não consegue olhar para a cara de alguém, não quer nem mesmo estar no mesmo ambiente que o outro? Isso não nos faz bem!!
E aí você pode pensar: "Mas como vou perdoar a pessoa que falou palavras tão horríveis de mim? Como vou deixar passar a forma ridícula que o fulano me tratou? Como posso perdoar quem faz coisas tão absurdas comigo?"
Bom, eu não sei explicar como, só sei explicar o caminho. Jesus perdoou todos que o maltrataram, que o xingaram, chicotearam, traíram, abandonaram, mataram. Pergunte para Ele! Se aproxime Dele e encontrará uma forma de fazer isso. Ele é o caminho, e se ele disse que poderíamos fazer isso, podemos fazer através Dele.
Através Dele mães perdoaram assassinos, estupradores, e muitas outras atitudes que até entristecem só de pensar. Através Dele mulheres perdoaram traições, amigos perdoaram a falha do outro e refizeram amizades de anos. Sempre através Dele. O caminho, a verdade e a vida!
Você realmente quer tomar esse veneno de raiva e ficar condenando quem te fez mal achando que quem vai morrer é esse alguém? Você realmente quer cortar relações com alguém que errou, como você também erra? Afinal, erro é erro, pecado é pecado. Uns erram em uma área, outros em outra, mas para Deus é tudo a mesma coisa, a única coisa que muda nisso são as consequências.
Decida perdoar! Decida amar acima de qualquer sentimento. Isso não é ser hipócrita, isso é obedecer a Deus e esperar que devagarzinho Ele limpe seu coração por completo e permita que a sua vida continue andando.
Esse é o meu pensamento, qual é o teu?
Comente aqui, me deixe saber o que minhas palavras te fizeram pensar a respeito.
Um beijoooo!

Porta - algodão diferente!

Oi oi oi!
Há uns dias estava querendo algum potinho ou algo bacana e pequeno para colocar algodão. Sempre uso para retirar a  maquiagem e queria muito deixar um pouco no armário do meu banheiro.... até que um creme meu acabou, e então veio a ideia!
O principal é você ter um potinho vazio que tenha formato inverso, com a tampa para baixo. Pode ser creme de mão, de corpo, etc. O tamanho vai depender do que você quer colocar dentro.


*Usei esse aqui. Você vai precisar lavá-lo por dentro, então, corte a parte de cima e também corte em formato de retângulo na parte de baixo como fiz aqui:
 





 Agora passe cola branca em volta de todo seu potinho e cole o tecido de sua preferência.

*Lembrando que nem todos os tecidos colam com esse tipo de cola, talvez precise de cola de tecido, tudo vai depender do tecido que quiser utilizar.









Depois de colar, o meu ficou assim, mas, dei um toquinho a mais pra deixar a minha cara de colei um pedacinho renda que ainda tinha por aqui.










Olha só o resultado final:

 



Gostei porque não gastei nada e foi bem útil para mim. Alguém aí já pensou em algo assim ou tentou fazer em casa? Me deixe saber nos comentários, ok!? Bjuuuuu

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Álbum velho? Capa nova!

Oi oi oi!
A dica de hoje é pra você que como eu adora dar uma relembrada nos velhos tempos, sabe aqueles álbuns antigos, pequenininhos, com um monte de imagens nada a ver na capa? Pois bem, bora deixá-los com a tua cara!
Como sempre, é bem simples, sem segredo! Basta escolher o que quer usar para encapar, no caso usei tudo de retalho que tinha aqui em casa ( tecido, papel contact, cartolina). Aí só vai precisar pôr a criatividade para funcionar e criar do seu jeitinho. Se preferir cole aqueles adesivos (que vem junto a um caderno) na capa e escreva a que tempo aquele álbum se refere, casamento, festa, viagem...etc.
Ah, se utilizar tecido, lembre-se de ter uma cola para tecido, ela é sempre mais prática do que a cola branca.

A maioria dos meus estavam assim, ou com algumas imagens de paisagem...















E agora, ficaram desse jeito aqui:


 

Eu gostei bastante porque gosto muito de tudo bem encapadinho! Gostou também? Tenta em casa e comenta aqui ok!? Bjuu
Ótima semana para vocês!!
Minha foto

Camila Cristine, 22 anos. Apaixonada por Jesus e pelos sonhos Dele. Louca por compartilhar quem meu amado é e por fazer que mais pessoas conheçam meu Amor.